PÁGINA INICIAL NOME DA CASA NOME DA CASA NOME DA CASA NOME DA CASA NOME DA CASA

quinta-feira, 3 de janeiro de 2013

Isso é uma vergonha nacional


O PT e o Congresso dão um mau exemplo bem no início de ano que poderia ser marcado com a moralidade contra corrupção depois do julgamento do mensalão.

Toma posse hoje o suplente de deputado José Genuíno. Condenado por seis anos e onze meses pelos crimes de formação de quadrilha e corrupção ativa no esquema do mensalão.

O PT, partido fundado para defender o trabalhador e lutar contra a maior vergonha nacional, a bandidagem do crime de colarinho branco, depois de governo tornou-se um aglomeração de surrupiadores do dinheiro público, tal qual os demais que tanto combatia. Jogou o seu Regimento Interno no lixo e não expulsou os condenados, sobre a alegação de que existe um complô da imprensa e, agora, da justiça para incriminá-los. Coisa de bandidos arrumadinhos.

O povo brasileiro recebe hoje, na entrada do ano novo, além de pagar do próprio bolso, um novo deputado (PT) envolvido até o pescoço em maracutaias Petistas, mas, não se pode fazer nada. Porque há uma lei absurda que permite essa vergonha até que se esgotem os últimos recursos.

Além de vergonhoso, o Genuíno (o nome lhe cai bem para seus atos) se irritou com um repórter quando perguntou se ele concordava com o que estava acontecendo. “...E você [repórter] está me provocando, seu torturador moderno [...] Você não é repórter, você é um provocador”.

É muita cara de pau. E ainda vem mais por aí.

Nenhum comentário: