PÁGINA INICIAL NOME DA CASA NOME DA CASA NOME DA CASA NOME DA CASA NOME DA CASA

quarta-feira, 16 de maio de 2012

A empresa contratada pelo Planalto, aliás, terá de recorrer a um verdadeiro aparato de guerra para acompanhar tudo que está sendo dito sobre o governo federal em canais de TV, rádios, jornais, revistas e sites na internet. 

Na parte de monitoramento da imprensa, a empresa terá de monitorar até quatorze canais de TV com programação nacional e local, dez estações de rádio, seis revistas nacionais e 21 jornais de conteúdo nacional e regional. 

Na internet, serão acompanhados diariamente 100 sites, blogs e similares indicados pela Secom. O acompanhamento das mídias sociais será ainda mais severo: a empresa terá de monitorar 200 “palavras-chave” em cinco mídias sociais indicadas pela Secom e “o rol de palavras-chave e mídias sociais monitorado poderá ser alterado a pedido da Secom”. 

Em “situações especiais”, como as crises, por exemplo, a empresa contratada pela Secom enviará mensagens de celular para integrantes do governo, informando em tempo real o que está sendo dito nos diferentes canais de comunicação monitorados.
(Lauro Jardim)

Do Blog: Esse pessoal vai ter um trabalhão danado.

Nenhum comentário: