PÁGINA INICIAL NOME DA CASA NOME DA CASA NOME DA CASA NOME DA CASA NOME DA CASA

quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

Homem é preso em Tenente Ananias/rn, acusado de ameaça

Por volta do meio dia dessa quarta-feira (12) a guarnição de serviço do destacamento policial da cidade de Tenente Ananias/RN foi procurada pela pessoa de Valdete André de Araújo, a qual informou que o cidadão José Francisco da Silva, conhecido popularmente como ''Valde'', residente no sitio Barro Preto, comunidade pertencente ao Município de Tenente Ananias, havia ido até a sua residência (de Valdete) a procura do Sr. “Dé”, esposo da vítima e denunciante, com o pretexto de tratar a respeito de um empréstimo.

Segundo a Sra. Valdete, o acusado, “Valde”, passou a fazer ameaças contra sua pessoa, exibindo um revólver e uma arma branca tipo facão, ambos na cintura.

Diante da denúncia, a Guarnição (GU) se deslocou ao referido sitio (Barro Preto) a procura do acusado.

Chegando à casa do mesmo os policiais o chamaram batendo na porta, nesse momento “Valde” abriu a porta já com o revólver na mão, e apontando-o para o SD PM Alyson efetuou dois disparos, porém, a munição não deflagrou e o acusado fechou imediatamente a porta informando que não a abriria de forma alguma.

Com isso, os dois policiais que estavam atendendo a ocorrência pediram reforço à Cia de Alexandria e ao Destacamento da cidade de Pilões/RN. Com a chegada do reforço, comandado pelo CB Araújo, foi dado início às negociações, mas mesmo assim “Valde” resistiu, não se entregando e não abrindo a porta.

Dessa forma e diante da situação, os policiais foram obrigados a entrar na residência, mesmo com a resistência e constantes ameaças do acusado que lá se encontrava refugiado.

Ao entrar no ambiente os policiais conseguiram conter “Valde”, sendo encontrado e apreendido com ele um revólver Taurus cal 32, n° 853211, com capacidade para 06 tiros, municiado com 06 (seis) munições, sendo que dessas, 04 (quatro) estavam intactas e 02 (duas) com sinais de que havia ocorrido uma tentativa de efetuar o disparo das mesmas, mas que, por algum motivo, não foram deflagradas pela arma.

Na residência foram encontrados também uma espingarda Rossi cal 36, nº A257315, três cartuchos do mesmo cal. ainda intactos, um cartucho de espingarda cal. 32 deflagrado, chumbo, espoleta e pólvora para recarga de cartuchos, três armas brancas tipo facão e uma bolsa contendo a quantia de R$ 271,65 (duzentos e setenta e um reais e sessenta e cinco centavos).

Após realizada a prisão do acusado e a apreensão dos referidos objetos e armas, tudo foi encaminhado à 8ª DRP de Alexandria para que o delegado de polícia civil, autoridade competente, pudesse realizar os devidos procedimentos legais e dá início às investigações necessárias para a conclusão dos fatos.
(Fonte: Blog da 3ª COM de Alexandria)

Nenhum comentário: