PÁGINA INICIAL NOME DA CASA NOME DA CASA NOME DA CASA NOME DA CASA NOME DA CASA

domingo, 21 de outubro de 2012

Não deu para entender a atitude dos vereadores situacionistas


Explico: O Projeto de Lei 395/12, aprovado com emendas (veja AQUI), era de interesse do Executivo que o mesmo fosse aprovado sem alterações.

Antes do presidente da Casa por o referido projeto em discussão e votação, o presidente da Comissão de Constituição, Justiça e Redação Final, Carlinhos Sarmento, indicou como relator o vereador Mauricy Abrantes, que imediatamente deu o seu parecer positivo as emendas.

Ao por o projeto em votação os vereadores Mauricy e Mazinho votaram a favor da aprovação do projeto com a indicação das emendas.

Ou seja: os dois vereadores da situação votaram favoráveis as emendas e contra a indicação de votação do projeto original por parte do Executivo.

Isso abriu risinhos irônicos de alguns vereadores oposicionistas.

O ano passado aconteceu o mais grave, e ficou eminente a falta de consonância do Executivo com a bancada que dar sustentação a situação na Câmara.

Foram votadas e aprovadas, sem muito alarde, as contas rejeitadas pelo Tribunal de Contas do Estado – TCE, do ex-prefeito Nei Rossatto.

A votação foi unânime.

Hoje tem vereador que se arrepende amargamente, depois de cair em si.

Do Blog: Reatualizando a matéria, um webleitor retifica que as contas foram aprovadas com ressalvas. Não acompanhei a sessão da votação.

Um comentário:

Anônimo disse...

Olá J. Gomes!!! Acho que as contas que de Dr Nei que os vereadores aprovaram ano passado não tinha sido reprovadas pelo TCE, e sim aprovadas com ressalvas. Confira essa informação e corrija o erro da postagem. Abraço!!!