PÁGINA INICIAL NOME DA CASA NOME DA CASA NOME DA CASA NOME DA CASA NOME DA CASA

terça-feira, 10 de abril de 2012

Bandidos invadem casa e estupram sete mulheres em praia do RN


O velho sonho acalentado durante décadas de um paraíso particular em uma praia tranqüila próximo a capital do Estado vem ruindo barreira abaixo a cada novo dia, literalmente veraneio é uma tradição que está com os dias contados, já não existe mais segurança alguma no litoral do Rio Grande do Norte, seja ele norte ou sul. Durante a madrugada desse domingo mais um ato de violência aconteceu em nossas praias, dessa vez em Jacumã, no litoral norte potiguar. Por volta das 02:15 da madrugada cinco homens encapuzados invadiram a casa de praia de um empresário natalense e promoveram uma verdadeira sodomia com a família do mesmo e com seus convidados.

Se encontravam na casa de veraneio para usufruir do feriadão da páscoa 12 pessoas, sendo 7 mulheres e 5 homens. Entre as mulheres uma garota de apenas 13 anos de idade que não foi poupada da violência sexual que aconteceu logo após o assalto.

O que seria mais um simples assalto, tão comum e corriqueiro nos dias de hoje, se transformou num verdadeiro ato de violência sexual. Logo após roubarem o que conseguiram colocar em uma picape tipo Pampa, de cor azul escuro, os marginais não se dando por satisfeitos amarraram todos os homens e os trancaram em um dos banheiros da casa.

 Em seguida começaram a ameaçar de morte e agredir as mulheres, com chutes, porradas, e até mesmo coronhadas de revólver, sob ameaça de atirar caso elas não colaborassem. Logo em seguida praticaram violência sexual com todas elas, inclusive com a menor de idade que foi amarrada com cordas em uma cama.

Após o ato de violência os marginais ainda se deram ao luxo de jantar e tomar cerveja na varanda da casa de praia. Uma das mulheres, temendo o pior, se encarregou de cozinhar para os bandidos que só deixaram o local por volta das 05:30 hs da manhã, todos de barrigas cheia. 

As mulheres que também foram trancadas em um cômodo da casa, só conseguiram sair com a chegada da empregada domestica que abriu a porta por volta das 07:00 hs. Segundo informações do policial PM Marcos, apenas um dos homens ficou gravemente ferido por conta de uma coronhada de revolver na cabeça, as demais vítimas sofreram leves escoriações. 

O valor em dinheiro levado pelos marginais assim como os objetos do assalto não foi revelado. O ocorrido foi denunciado a polícia da capital e a investigação do caso vem sendo realizada sob sigilo de justiça, uma vez que envolve pessoas da sociedade e até uma menor de idade.
(Carlos Costa)

Nenhum comentário: