PÁGINA INICIAL NOME DA CASA NOME DA CASA NOME DA CASA NOME DA CASA NOME DA CASA

sexta-feira, 6 de agosto de 2010

Coluna de Cassiano Arruda

A propósito, já está na hora da Justiça Eleitoral dá um basta nessa descompostura. Indecência que atenta contra a cidadania. Insolência que afronta o estado democrático de direito. Deturpa a normalidade da disputa, desfigura, essencial e fundamentalmente, o pleito. Um atrevimento. Um desaforo.

E o que é mais grave. A avacalhação das consultas populares está, na mesma intensidade, conseguindo desacreditar a autoridade responsável pela gestão do processo, à medida que as chancela com o tal registro. A obscenidade assentida. A imoralidade com selo oficial.

Trata-se de desarranjo ético absolutamente incompatível com a finalidade do evento, do acontecimento, exigindo do Poder legítimo atitude enérgica em defesa da sociedade, afastando, definitivamente, qualquer suspeição de cumplicidade, favorecimento, conivência ou omissão.

Nenhum comentário: