PÁGINA INICIAL NOME DA CASA NOME DA CASA NOME DA CASA NOME DA CASA NOME DA CASA

sábado, 27 de março de 2010

Morto em emboscada Antonio Veras

O ex-prefeito de Campo Grande, Antônio Francisco Nóbrega Martins Veras, que completaria hoje, sábado, 27 de março, 59 anos de idade, foi executado com vários tiros de diferentes armas nas proximidades da Fazenda Monte Alegre, zona rural de Campo Grande.

Juntamente com ele foram mortos os policiais militares Jacson Cristino Dantas e Solano Costa de Medeiros.

Antônio Veras dirigia uma camioneta Nissan de placas MXP – 5681 de Caicó, ao seu lado ia o soldado Jacson e no banco de trás o policial Solano.

Após sair de Janduís por volta das 16 horas e 30 minutos e trafegar em torno de 10 quilômetros em direção à sua fazenda Monte Alegre foi interceptado por um grupo fortemente armado que passou a disparar contra o veículo.

Antônio Veras teve a cabeça esfacelada por tiros.

O soldado Jacson morreu ao seu lado enquanto o PM Solano ao pular pela janela da porta do lado do motorista também tombou morto após ser alvejado.

"Eu acredito que não deu tempo eles reagirem. Foram mais de duzentos disparos efetuados nas vítimas. Acredito que o alvo principal era mesmo Antônio Veras porque a cabeça dele ficou esfacelada", disse o sargento Tarso, comandante do destacamento policial de Janduís.

Declarou a autoridade policial que recebeu uma informação a respeito do ocorrido às 17 horas e 20 minutos.

"Estávamos fazendo um ponto-base em Janduís, próximo ao posto de combustível, um agricultor passou e disse que visualizou um corpo caído ao lado de uma camioneta. Ao chegar no local constatamos os três corpos", comentou o comandante.

O crime ocorreu a 2 km da Fazenda Monte Alegre.
(Fonte: F. Gomes – Fotos: Ilmo Gomes)

Nenhum comentário: