PÁGINA INICIAL NOME DA CASA NOME DA CASA NOME DA CASA NOME DA CASA NOME DA CASA

terça-feira, 7 de agosto de 2012

A campanha começa a ficar acirrada


No início foi compromisso de respeito mútuo e campanha limpa.

Bastou à primeira movimentação política para os ânimos se acirrarem. Colhendo aqui e ali soube de alguns arranca rabo.

No palanque papeis se inverteram. Quem se esperava que batesse no prefeito foi totalmente moderado. Por outro lado Napoleão Veras não poupou a sola da chibata no prefeito Alberto Patrício que estava bem à frente, na residência de um correligionário.

Não queria estar na sua pele, vai ouvir muito nessas eleições. Ademais, se sua vice-prefeita e candidata Jânia Fernandes não vencer a campanha, vai entregar o cargo com um dos maiores índices de rejeição e, o total responsável pela ressurreição política de um dos maiores inimigos políticos seu, Nei Rossatto. Claro que teve outros, inclusive ex-aliados seus. Mas, nessas horas o peso da vida pública cai sobre aquele que está mais na mira do povo.

Quem diria que as coisas iam chegar a esse ponto. Alberto sempre sonhou em ser o melhor prefeito de Alexandria. Mas, foi mal orientado. Achou que só as obras construídas seria o suficiente para o povo agradece-lo e ovaciona-lo.

Esqueceu do resto... O próprio povo.

Por outro lado, o prefeito parece contar com alguns lampejos de sorte que o iluminaram a sua administração. Por exemplo: a sua maior obra no município, o açude Bananeiras, só saiu no último minuto.

Terá fé dos dois lados. O seu Deus católico e o Deus evangélico da sua esposa podem trazer novos resultados.

Perdeu quase todo o apoio. Só lhe sobraram dois vereadores. Um deles que não pode nem subir em palanque e pedir votos para si ou para a sua chapa majoritária. Por outro lado ganhou um vice de um conceito profissional incontestável e pessoa ilibada.

Os ventos já mudaram. O que se pensava ser um massacre toma um novo conceito, e a “Onda Azul” parece estar recebendo todos os bons fluidos das orações e glórias mil.

Se Jânia Fernandes e Hernani Júnior vencerem as eleições, Alberto Patrício vai passar uma semana freqüentando cultos e missas para agradecer, e terá lavado a alma e massacrado os adversários.

Depois do dia primeiro de janeiro de 2013... Isso são outros fatos. Até porque o povo precisa de uma nova história.

Nenhum comentário: